ACESSE
O PORTAL
BIBLIOTECA
ONLINE
CONSULTA
DE DIPLOMA
03/10/2019 07:44:00

Curso de Farmácia conta com seis disciplinas de Estágio Supervisionado

Autor: Por Diorgeni Magalhães, acadêmico do 8º semestre de Jornalismo

O curso de Farmácia da FASIPE contempla conteúdos para a formação do profissional, com conhecimento amplo e integrado nas áreas de Medicamento, Alimento e das Análises Clínicas e Toxicológicas. Também possibilita que o estudante tenha contato com a realidade profissional, não apenas nas aulas realizadas nos diversos laboratórios de pesquisa, como também nos projetos de extensão, visando desde o início do curso repassar o conhecimento adquirido no curso para a comunidade.

O Estágio Supervisionado é componente curricular obrigatório do Curso de Graduação em Farmácia da FASIPE que visa proporcionar ao aluno formação prática, com desenvolvimento das competências e habilidades necessárias à atuação profissional. Foi criado para propiciar ao aluno a participação em situações simuladas e reais de vida e trabalho, vinculadas à sua área de formação. É a fase de treinamento, que permite ao aluno, por meio da vivência prática das atividades relacionadas ao campo de atuação profissional, complementar sua formação acadêmica.

São seis disciplinas de estágio supervisionado, que tem início a partir do 7º semestre, com uma carga horária de 150 horas cada, atendendo os anseios dos acadêmicos por conhecimentos práticos em relação a sua formação profissional.

Fazem parte dos Estágios Supervisionados:

Estágio Supervisionado I – Saúde Pública e Assistência Farmacêutica

Estágio Supervisionado II – Dispensação Farmacêutica

Estágio Supervisionado III – Farmácia Hospitalar

Estágio Supervisionado IV – Manipulação Farmacêutica

Estágio Supervisionado V – Indústria

Estágio Supervisionado VI – Análises Clínicas

“O âmbito de atuação do farmacêutico é amplo, incluindo toda cadeia produtiva do medicamento, cosmético, pesquisa, desenvolvimento, produção, controle da qualidade e comercialização, análises diagnóstico-terapêuticas, além de vigilância sanitária e epidemiológica. Tendo como objetivo o estudo do ser humano, este profissional será capaz de, exercendo estas atividades, tomar decisões e solucionar problemas numa realidade diversificada e em constante transformação; deverá apresentar, ainda, capacidade analítica, visão crítica e competência para adquirir novos conhecimentos e consciência de que o senso ético de responsabilidade social deve nortear o exercício da profissão.” explica o Coordenador do Curso, Álvaro Galdos.

FOTOS DA NOTÍCIA Clique na foto para abrir